Orquídea Baunilha: aprenda a cultivar a espécie mais desejada do mundo

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

A orquídea baunilha é uma das espécies de orquídeas mais desejadas pelos cultivadores dessa magnífica família de plantas.

Isso porque a plantinha possui fruto comestível e é muito utilizada na culinária, pois é a partir dela que ocorre a extração da baunilha, tão utilizada em diversas sobremesas em todo o mundo.

Portanto, se você deseja aprender a cultivá-la aí na sua casa..Então, acompanhe comigo essas dicas de cultivo simples e práticas! 

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------
Foto: Reprodução / Pinterest

Origem da Orquídea Baunilha e curiosidades

A Orquídea Baunilha, cujo nome científico é Vanilla planifolia, é nativa do México.

Mas,  o maior produtor da espécie é o Madagascar, pois colonizadores franceses levaram a planta para regiões próximas do país no século XIX.

Esta é a única orquídea com fins comestíveis no mundo! E olha que estamos falando de uma família com mais de 35 mil espécies, sem falar dos híbridos!

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Além disso, se trata de uma espécie cara, por conta da sua finalidade comercial. 

Aliás, a baunilha é um produto caro por conta do difícil e demorado processo de extração da orquídea baunilha, que varia de 9 meses a 1 ano.

Foto: Reprodução / Pinterest

Como cuidar da Orquídea Baunilha

Alguns cuidados simples são suficientes para garantir as condições ideais para o bom desenvolvimento da sua Orquídea Baunilha.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Sendo assim, acompanhe algumas dicas rápidas e  essenciais para implementar no cultivo da sua plantinha.

Orquídea Baunilha gosta de sol ou sombra?

O ideal é cultivá-las em ambientes de meia sombra, sem a incidência de luz solar direta. No entanto, o ambiente deve ser bem iluminado.

Portanto, cultivá-las abaixo de árvores é uma ótima forma de assegurar essas condições, já que a iluminação natural será garantida, bem como a proteção direta dos raios solares.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Temperatura

Por serem nativas do México, esta é uma espécie de origem tropical. Então, temperaturas acima de 21ºC são bem-vindas no cultivo desta verdinha.

Substrato

Esta se trata de uma espécie terrestre, que irá se transformar em epífita, surgindo raízes aéreas.

Sendo assim, seu cultivo inicialmente se dá em substrato simples.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Além disso, esta é uma planta trepadeira. Logo, um suporte se faz necessário para ajudá-la neste processo.

Foto: Reprodução / Pinterest

Rega

Regue-a sempre que o substrato estiver seco, pode regá-la generosamente, desde que não haja encharcamento do substrato.

Adubação

O Bokashi é o adubo ideal para aplicar na sua plantinha de forma mensal.

Floração

Quando as flores desta orquídea surgem, você deverá polinizá-las para garantir que haja as favas de baunilha!

Porém, o processo apesar de fácil é delicado, pois envolve a manipulação dos órgão reprodutores da planta.

Sendo assim, para melhor compreensão, acompanhe como realizar o processo no vídeo abaixo.

Leia Mais: Orquídea Bambu: como cuidar, fazer florir e usar na decoração do seu jardim

Curtiu as dicas de como cuidar da Orquídea Bambu que o Manual de Orquídea te mostrou hoje?Então, compartilhe este post com seus amigos nas suas redes sociais favoritas.

Confira as postagens mais recentes do Blog:

Rafaela Lucena é Editora do Blog Manual de Orquídea, jardineira, decoradora e redatora apaixonada por Blogs! Email: rafaeladelucena@gmail.com