Orquídeas doentes e com folhas queimadas, o que fazer? Siga esse passo a passo!

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

A gente sabe que não pode deixar orquídeas expostas à luz solar direta! Mas, se você bobeou e agora você está com orquídeas doentes e com folhas queimadas no seu jardim… Saiba que esse não é o fim do mundo!

Isso porque dá pra recuperar a sua plantinha! Mas, você vai precisar de um pouco de paciência e seguir o passo a passo que vou te passar neste artigo!

Foto: Reprodução

Aprenda como recuperar orquídeas doentes e com folhas queimadas com esse passo a passo

Bem, já que o estrago já foi feito… é hora de tentar recuperar a sua plantinha! Para que sua orquídea volte a ficar bonita e saudável, acompanhe as dicas a seguir.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Retire sua orquídea do sol!

Se a sua planta está com folhas queimadas, isso quer dizer que ela está sendo exposta há várias horas por dia ao sol! 

Logo, a sua primeira ação é retirar ela deste local para que o dano cesse! A partir daí, a gente vai começar o tratamento da nossa orquídea.

Escolha um local bem iluminado e com meia sombra

Agora que você retirou a sua orquídea do sol pleno, é hora de escolher um local bem iluminado, com luz solar indireta para ser a nova morada da sua plantinha.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Sendo assim, boas opções são varandas abertas! Escolha um cantinho que você sabe que não pega sol e coloque lá o seu vasinho!

Outra opção é deixá-la atrás do vidro de uma janela para que receba luz filtrada.

Ainda, é possível cultivar sua planta embaixo da sombra de árvores, que filtram a luz solar, ou embaixo de sombrites.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Regue a sua orquídea com bastante frequência

Como você deve ter observado, a sua planta está não só com folhas queimadas, mas também amareladas e murchas.

Foto: Reprodução

Também, outro sinal de que sua plantinha não está nada bem são as raízes secas.

Isso tudo acontece por conta da desidratação severa que sua orquídea sofreu pela exposição excessiva ao sol.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Sendo assim, agora, você deve repor essa água perdida! Para isso, regue-a sempre que estiver com o substrato seco!

Se estiver em dias quentes, você pode até mesmo regá-las diariamente, tomando o devido cuidado para não deixá–la com as raízes alagadas!

Portanto, o substrato deve escoar bem a água. Logo, casca de pinus, carvão, pedra brita e fibra de coco são ótimas opções de substrato.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Já o musgo sphagnum deve ser evitado, pois como retém muita umidade, poderá levar ao surgimento de doenças e pragas, como a podridão negra e cochonilhas na sua orquídea.

Adube-a desta forma!

Além disso, reponha os nutrientes da sua plantinha regularmente! E, para não deixar a sua orquídea muito tempo sem adubo, vou te dar uma super dica!

Faça uma trouxinha com manta bidim contendo uma colher de farinha de ossos e uma colher de torta de mamona e coloque em um cantinho do substrato.

Dessa forma, sempre que você for regar a sua planta, molhe a trouxinha! Ela irá liberar nutrientes que serão absorvidos pela sua planta! Bem fácil, não é mesmo?
Veja também: Veja qual o melhor adubo orgânico para orquídea crescer e floresc

Rafaela Lucena é Editora do Blog Manual de Orquídea, jardineira, decoradora e redatora apaixonada por Blogs! Email: rafaeladelucena@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *