Suculenta Rosa de Pedra: Compacta, charmosa e muito fácil de cuidar!

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

De porte pequeno e super charmosa, a suculenta Rosa de Pedra vem ganhando cada vez mais espaço na decoração de jardins externos.

Além disso, um ponto positivo a favor dessa verdinha é que ela é super fácil de cuidar e dispensa regas frequentes, o que facilita  o cuidado e a manutenção dessa planta.

De nome científico Echeveria Elegans, a Rosa de pedra possui formato semelhante a uma rosa,  como  a sua denominação popular sugere, e possuem tons esverdeados  que variam do verde escuro ao verde claro mesclados com com tons  que variam do roxo ao lilás.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

No paisagismo, essa verdinha é muito utilizada na decoração de canteiros ou ainda podem ser plantadas em pequenos vasos, já que essa é considerada uma planta de porte pequeno, podendo alcançar o máximo de 15 cm de altura.

Sendo assim, hoje, aqui no Manual de Orquídea, você vai aprender dicas de cultivo super simples para cuidar da sua suculenta Rosa de Pedra. Confira  tudo agora! 

Foto: Reprodução

Aprenda a cuidar da suculenta Rosa de Pedra com essas dicas

Como já dissemos, a Rosa de pedra, se trata de uma suculenta. Por isso,  como você já deve saber,  ela armazena a água em seu corpo vegetativo.  

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

A partir daí,  podemos inferir alguns cuidados básicos das suculentas e aplicá-los no cultivo desta verdinha.

Veja agora as dicas de cultivo essenciais para que você possa estimular o crescimento e bom desenvolvimento da sua Rosa de pedra.

Substrato ideal 

O ideal é que o substrato das suculentas sejam bem drenáveis e soltinhos para que não ocorra o acúmulo de água nas raízes da planta.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Isso porque a água em excesso é prejudicial às suculentas de forma geral, podendo levar ao apodrecimento das raízes.

Temperatura de cultivo

Essa é uma planta que possui uma alta resistência a grandes variações de temperatura. Pra você ter uma ideia a faixa de variação flutua entre 40 °C a -5°C!

Frequência da rega

Um ponto super positivo no cultivo da Rosa de Pedra é que suas regas podem e devem ser bem espaçadas.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Sendo assim, regue-a abundantemente a cada 15 dias e verá sua plantinha se desenvolver bem e cheia de vida.

Mas, tome cuidado para não molhar as folhas, pois essa prática pode causar manchas nas na sua verdinha.

Iluminação ideal

Esta é uma planta que gosta de ambiente bem iluminado, com sol pleno da manhã, que é mais ameno.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Forneça a ela, ao menos, 4 horas de luz solar diária!

Adubação trimestral

Além disso, é preciso fornecer alguns nutrientes para que a sua planta cresça e se mantenha forte e cheia de vida.

Para isso, uma forma simples de adubá-la, é através da utilização trimestral de NPK 09-09-09 próprio para cactos e suculentas.

Aplique um pouquinho na borda dos vasos e regue em seguida!

Floração

Um fato curioso que pouca gente sabe é que essa suculenta possui floração. Esta ocorre nos dias de calor mais intenso, entre a primavera e o verão.

Veja que lindinha a flor produzida pela Rosa de Pedra!

Foto: Reprodução

Cuidado com a poda

Já com relação à poda, o ideal é que você não faça! Então, segure o ímpeto de fazer uso da tesoura, pois esse hábito na Echeveria não cai nada bem, podendo fazer, inclusive, que você perca a sua plantinha!

Veja também: Suas orquídeas não dão flores? Então, você pode estar cometendo algum desses erros!

Rafaela Lucena é Editora do Blog Manual de Orquídea, jardineira, decoradora e redatora apaixonada por Blogs! Email: rafaeladelucena@gmail.com